Survey Reveals High Usage of Unlicensed Cannabinoids Among Danish Dog Owners

Uso Elevado de Canabinoides Não Licenciados Entre Proprietários de Cães Dinamarqueses Revelado por Pesquisa

Uma recente pesquisa realizada na Dinamarca revelou o uso generalizado de canabinoides não licenciados entre proprietários de cães. O estudo, liderado por Pernille Holst e sua equipe da Universidade de Copenhague, descobriu que 38% dos proprietários de cães pesquisados relataram usar canabinoides, como o canabidiol (CBD), para tratar seus animais de estimação. Essas conclusões foram publicadas no periódico de acesso aberto PLOS ONE.

Embora os produtos à base de cannabis tenham ganhado popularidade para uso médico e recreativo em humanos, seu uso em animais de estimação ainda é controverso. Em países onde a cannabis não é prescrita legalmente para uso veterinário, os proprietários de animais estão recorrendo a canabinoides não licenciados para tratar várias questões de saúde.

A pesquisa, realizada anonimamente por meio de plataformas de mídia social, obteve respostas de 2.002 proprietários de cães. Desses entrevistados, 38% relataram usar pelo menos um produto à base de canabinoides para seus cães. Gotas ou óleos de CBD foram os mais comumente utilizados, com 93% dos proprietários de cães optando por essa forma de tratamento. Apenas 4% dos proprietários relataram usar produtos contendo delta-9-tetra-hidrocanabinol (THC).

A pesquisa revelou uma ampla variedade de motivos para o uso de canabinoides em cães. Os proprietários de cães relataram usá-los para o controle da dor, problemas comportamentais, alergias e várias outras condições. A maioria dos entrevistados (77%) afirmou ter observado um efeito positivo na saúde mental ou física de seus cães após o tratamento com canabinoides.

No entanto, os pesquisadores alertam que essas conclusões se baseiam em dados auto-relatados e não têm suporte em estudos científicos existentes sobre o assunto. Eles enfatizam a necessidade de pesquisas baseadas em evidências para melhor compreender os possíveis benefícios e riscos do uso de canabinoides em animais de estimação.

Holst e sua equipe ficaram especialmente surpresos com a variedade de condições para as quais os proprietários de cães dinamarqueses usaram esses produtos não licenciados. Isso destaca a importância de conduzir estudos clínicos sistemáticos para determinar a eficácia e segurança dos canabinoides no tratamento de diferentes questões de saúde em cães.

Em conclusão, os resultados da pesquisa revelam uma prevalência significativa do uso de canabinoides não licenciados entre proprietários de cães dinamarqueses. Embora muitos proprietários acreditem nos efeitos positivos desses tratamentos, mais pesquisas científicas são necessárias para validar essas afirmações e fornecer orientações baseadas em evidências para os proprietários de animais de estimação.

Perguntas Frequentes:

1. Qual porcentagem de proprietários de cães pesquisados relataram usar canabinoides para tratar seus animais de estimação?
38% dos proprietários de cães pesquisados relataram usar canabinoides, como o CBD, para tratar seus animais de estimação.

2. Que tipo de produto à base de canabinoides foi mais comumente utilizado pelos proprietários de cães?
As gotas ou óleos de CBD foram os produtos à base de canabinoides mais comumente utilizados pelos proprietários de cães, com 93% deles optando por essa forma de tratamento.

3. Qual porcentagem de proprietários de cães relatou usar produtos contendo THC?
Apenas 4% dos proprietários de cães relataram usar produtos contendo THC.

4. Quais foram os principais motivos para o uso de canabinoides em cães?
Os proprietários de cães relataram usar canabinoides em cães por diversos motivos, incluindo controle da dor, problemas comportamentais, alergias e outras condições.

5. Qual porcentagem de entrevistados afirmou ter observado efeitos positivos na saúde de seus cães após o tratamento com canabinoides?
77% dos entrevistados afirmaram ter observado um efeito positivo na saúde mental ou física de seus cães após o tratamento com canabinoides.

Termos-Chave/Jargão:

– Canabinoides: Compostos encontrados na planta de cannabis que têm diversos efeitos no corpo.
– Canabidiol (CBD): Um canabinoide não psicoativo encontrado na cannabis.
– Delta-9-tetra-hidrocanabinol (THC): O canabinoide psicoativo na cannabis responsável pela sensação de “barato”.
– Eficácia: A efetividade ou habilidade de um tratamento em produzir o resultado desejado.

Links Relacionados Sugeridos:
– PLOS ONE – O periódico de acesso aberto onde foram publicadas as descobertas do estudo.
– Universidade de Copenhague – A instituição onde a pesquisa foi conduzida.